22 de outubro de 2011

Te ver bem me deixava bem, até a página dois
- quando eu me reencontrava sozinha.

Priscila Rôde

Nenhum comentário:

Postar um comentário