20 de abril de 2012

Vou andando e dando laços na vida...
amarro todas alegrias, e nas tristezas deixo laço frouxo, que é pra ela ficar ali só um pouquinho e
 depois se soltar sozinha...
e de laço em laço vou amarrando a vida em nós que não se desatam...

Nenhum comentário:

Postar um comentário