10 de janeiro de 2013

"O que dói em você, pouco me importa. Eu não cavei teus abismos de mim.
Fui teu abrigo, teu barco
e lua cheia iluminando caminho.
Você escureceu nosso afeto,
você minou nosso rio.
Pra eu ficar, só precisava do seu toque agasalho
você me deu esse punhado de frio."
(Marla de Queiroz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário