21 de outubro de 2013


Que Deus ouça as preces que lhe dirijo quando amanheço revigorada e anoiteça tranquila. Quando consigo manter uma relação mais gentil com as lembranças difíceis que, às vezes, ainda me assombram. Quando posso desfrutar do contentamento mesmo sabendo que existem problemas que aguardam eu me entender com eles. Quando não peço nada além de força para prosseguir, por aceitar que, fortalecida eu posso o que quiser, em DEUS.

(Ana Jácomo)



Nenhum comentário:

Postar um comentário